quinta-feira, 17 de agosto de 2017

286-288 - Linha de emergência (5 a 7)

OK, prometo que esse é o último post com essas piadinhas bestas. xP



Agora estou curiosa para saber a reação deles também.
----------
Mina (em todas as ligações): Alô. Associação dos Caçadores de Vampiros, como posso ajudar?

Resposta #1: Não, senhor, brilhar no sol não está listado em nossa lista de crimes cometidos por vampiros. Deixe esses caras em paz!

Resposta #2: Não, senhorita, não foi engano. seu namorado foi preso por caça ilegal. Não me interessa se ele fez isso "para não machucar humanos", ursos pardos são animais ameaçados.

Resposta #3: Sinto muito, senhor, mas o Dr. Van Helsing está indisponível para seu código de área. vamos mandar um time local de caçadores assim que pudermos. Oh, senhor, por favor chame-os de "genéricos" na cara deles. Ligue contando o que aconteceu. vou amar ouvir.

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

283 a 285 - Linha de emergência (2 a 4)

Oi, pessoal! Ainda estou consertando os links quebrados das tirinhas antigas. Tem hora que as imagens funcionam, tem horas que não, uma bagunça.

O lado positivo é que, assim que eu acabar de consertar tudo, as tirinhas vão aparecer com balões e fontes novinhos em folha, o que dá a elas um ar um pouco menos largado do que tinham.

Por ora, divirtam-se com Mina (tia da Lucy) atendendo mais algumas ligações:



Trabalhar para a Associação é um trabalho duro.
------------
Mina (em todas as ligações): Alô. Associação dos Caçadores de Vampiros, como posso ajudar?

Resposta #1: Senhor, eles são só um bando de adolescentes góticos. Ligue para nós se eles realmente morderem alguém. Mande fotos das mordidas como prova.

Resposta #2: Não, senhorita, seu namorado não foi preso "só porque ele é um vampiro". Invasão de domicílio é um crime sério. Agradeça a seu pai por ter telefonado para nós e namore alguém menos louco.

Resposta #3: Ah, se você quer avaliar o verdadeiro nível de risco desse vampiro, pergunte a ele quando ele realmente matou alguém. Se a resposta é "nunca" ou "há mais de cinquenta anos", ele só está deprê. É chato, mas inofensivo.